Mulher Saúde

Cicloprimogyna: conheça o medicamento para reposição de hormônios

Você conhece o Cicloprimogyna? Pois é, até algum tempo atrás eu não conhecia. No entanto, depois que descobri esse remedinho especial, fiz uma pesquisa intensa sobre ele, para contar tudinho a vocês. 

A maioria das mulheres tem períodos menstruais que duram de quatro a sete dias. O período menstrual da mulher geralmente ocorre a cada 28 dias, mas os ciclos menstruais normais podem variar de 21 a 35 dias.

O Cicloprimogyna ajuda a regular o ciclo menstrual e também e responsável pela reposição hormonal em casos de menopausa.

Por isso, vem comigo para conhecer cada detalhe desse medicamento, falaremos sobre os hormônios inclusive as perguntas mais frequentes sobre ele.

Disfunção no ciclo menstrual

Eu mesma já tive alterações no meu ciclo. Nunca fui regular. Hoje, depois da Ariel ainda não sou regular, por isso fiz essa pesquisa pensando em mim também.

Mas para você que não sabe como detectar se você tem alterações no ciclo menstrual, segue aí uma listinha dos sintomas:

  • períodos que ocorrem com menos de 21 dias ou mais de 35 dias de intervalo;
  • faltam três ou mais períodos seguidos;
  • fluxo menstrual muito mais pesado ou mais leve que o normal;
  • períodos que duram mais de sete dias;
  • períodos acompanhados de dor, cólicas, náuseas ou vômitos;
  • sangramento ou manchas que ocorrem entre os períodos, após a menopausa ou após o sexo.

Quando o ciclo menstrual pode sofrer alterações?

Amenorreia

Essa é uma das situações em que o período menstrual para completamente. Por isso, você deve ficar de olho, pois a ausência de menstruação por mais de 90 dias não é normal, a menos que você esteja grávida é claro. 

Dismenorreia

Esse período é difícil para qualquer mulher, pois é quando ela mais sofre com cólicas. Desconforto durante o ciclo menstrual é normal, porém na dismenorreia as dores são violentas e muito intensas. Minhas cólicas, por exemplo me faziam tremer e até perder o controle das pernas. Imagina uma dor dessas!

Cicloprimogyna: para que serve?

Cicloprimogyna é um medicamento que tem por objetivo realizar a reposição de terapia Hormonal (TRH). É uma forma aliviar os sintomas da menopausa. Mas, também é usado para tratar quaisquer alterações do ciclo menstrual.

Todas as alterações que mencionei acima, podem ser tratadas com o Cicloprimogyna. No entanto, seu médico precisa saber do seu quadro primeiro, antes do uso desse medicamento. Hormônios não podem ser usados assim do nada.

Porque é importante manter o ciclo menstrual regular?

Quando eu era mais nova e tinha problemas com ciclo menstrual, achava ótimo ficar sem ele por algum tempo. Mas, isso é sério e não pode ser encarado dessa maneira frívola. Ciclos continuamente irregulares podem ter um sério impacto na saúde a curto e longo prazo.

Eles podem levar a uma ampla gama de condições de saúde mais graves e causar sintomas extremamente preocupantes.

Pra você ter uma ideia do que estou falando, a saúde do ciclo menstrual está relacionada à saúde do coração, metabolismo, sono, fertilidade e muito mais. Por isso é importante que todos os possíveis problemas sejam diagnosticados o mais cedo possível para que você possa conversar com seu médico sobre o assunto.

Ao conversar com seu médico, mostre a ele seu histórico de ciclos. Além disso, diga se você notou recentemente alterações inesperadas em seu corpo, como dor abdominal sem motivo aparente, dificuldade em controlar seu peso ou crescimento de pelos incomuns em seu rosto ou corpo. Isso pode ajudá-los a identificar o que pode estar causando a irregularidade do seu ciclo.

Um profissional de saúde provavelmente fará perguntas sobre seus sintomas e seu histórico médico e menstrual e fará um simples exame físico. Em alguns casos, eles também podem:

Realize exames de sangue para verificar os níveis de hormônios e açúcares no sangue. Os hormônios que eles normalmente verificarão incluem testosterona, hormônio da tireoide, prolactina e testes do metabolismo do açúcar.

Não só o uso do Cicloprimogyna vai ajudar a obter um ciclo menstrual regular, mas, também ajudará você ter o controle direitinho para poder engravidar, quando for o momento.

Quando desce a menstruação?

Logo após o uso o corpo vai mudar. Já que o produto altera os hormônios e faz a sua reposição é certo que o ciclo menstrual também vai mudar.

O medicamento age repondo o estrogênio e completando a progesterona, assim, os hormônios entram nos eixos. Por isso, a regra é que você deve ter o ciclo menstrual regularizado até o fim da primeira cartela. Geralmente a menstruação desce nesse período e você deve continuar fazendo o uso do produto normalmente.

Se a menstruação não descer depois da primeira cartela, pode ser que você esteja grávida. Agora, tudo dependerá de cada mulher. Por isso, conversar seriamente com seu ginecologista é importante, sobre o uso dessa medicação.

Quando ocorre a ovulação

Ao começar o uso do Cicloprimogyna é comum a ovulação acontecer no final dos dois últimos compridos brancos e os dois vermelhos. Ou seja, na troca de cores dos comprimidos é o período em que a ovulação começa.

Muitas mulheres ficam confusas e apreensivas se realmente esse é o período certo da ovulação. Por isso, minha dica é ficar de olho para ver se aparece aquele muco parecendo uma clara de ovo.

Se você notou o surgimento dele, pode ter certeza que a ovulação está acontecendo. Aí é era de colocar em prática o “plano de gravidez” ou não, né?

Cicloprimogyna engorda?

Curiosamente, descobri que o Cicloprimogyna pode tanto engordar como emagrecer. A composição desse remédio altera o peso, porém, isso dependerá de cada organismo. Algumas mulheres podem emagrecer e outras aumentar de peso.

Uma coisa foi relatada em vários casos. Boa parte das mulheres que usaram Cicloprimogyna tiveram o peso alterado, seja para mais, seja para menos. Já é de se esperar, uma vez que os hormônios frequentemente fazem isso com a gente.

Como tomar Cicloprimogyna?

Existem usos específicos e gerais de cada medicamento. Um medicamento pode ser usado para prevenir uma doença, tratar uma doença por um período ou curar uma doença. Também pode ser usado para tratar o sintoma específico da doença.

O uso de drogas depende da forma que o paciente toma. Pode ser mais útil na forma de injeção ou, às vezes, na forma de comprimido.

O medicamento pode ser usado para um único sintoma preocupante ou uma condição com risco de vida. Embora alguns medicamentos possam ser interrompidos após alguns dias, alguns medicamentos precisam ser continuados por um período prolongado para obter o benefício.

Use o Cicloprimogyna, conforme indicado pelo seu médico. Verifique o rótulo do medicamento para instruções exatas de dosagem.

Agora, vamos às recomendações:

Nada de ser displicente com o procedimento hein? Siga de maneira rigorosa para obter o resultado que precisa. E antes de qualquer coisa, conte tudo ao seu médico. Como o medicamento pode ser usado para várias finalidades, ele pode te orientar uma forma de usar diferente. Por isso, converse com ele antes.

Se você estiver dentro do período menstrual, deverá começar o tratamento com Cicloprimogyna no 5° dia do seu ciclo, sempre atentando que o 1° dia do ciclo menstrual é o primeiro dia que ocorre o sangramento.

Agora, se você não estiver em período menstrual, ou se os ciclos forem irregulares, vai precisar de uma recomendação médica específica para o seu caso.

A cartela de Cicloprimogyna contém 21 drágeas (11 brancas + 10 pardo-avermelhadas), dispostas em sequência numérica.

A posologia correta é tomar um comprimido diariamente. Você deve começar pelos comprimidos brancos de número 1 que tem marcado abaixo dele a palavra “início”.

A partir daí você continua tomando uma todo dia, seguindo a setinha até tomar o ultimo comprimido que é meio avermelhado.

Completou os 21 dias, você deve fazer um intervalo de 7 dias sem tomar. 

Dá para perceber que é muito similar ao uso do anticoncepcional, não é? Por isso, tome os comprimidos com líquido, sem mastigar e na mesma hora do dia, todo dia.

Durante a pausa dos 7 dias, o que geralmente ocorre é um sangramento parecido com a menstruação. 

Sendo assim, depois dessa pausa de 7 dias você inicia uma nova cartela, mesmo se o sangramento ainda não tiver cessado.

Cicloprimogyna combate a menopausa?

A menopausa ocorre quando o período fértil de uma mulher começa a diminuir. Geralmente, é um processo gradual ao longo de meses ou até anos, mas tecnicamente a menopausa é definida como quando uma mulher passa 12 meses sem menstruar.

A idade média para isso acontecer é de 52 anos, mas muitas mulheres tem os sintomas da menopausa antes dos 40 anos.

Como o corpo sabe quando a menopausa começa a chegar?

A menopausa está programada para acontecer na biologia feminina. Começa quando os ovários têm muito pouco óvulos para continuar alimentando o ciclo da ovulação. Desde a infância, os ovários têm milhares de óvulos.

Essas células estão constantemente se movendo ao longo de uma espécie de “correia” transportadora de fertilidade, levando meses para crescer do folículo primitivo ao óvulo maduro, que é liberado durante a ovulação. Dessa forma, à medida que os anos passam os óvulos vão morrendo ao longo do caminho.

Os folículos liberam estrogênio à medida que crescem. Então, quando eles param de amadurecer, há uma queda acentuada nos níveis do hormônio produzido, e é isso que leva a sintomas da menopausa.

Como o Cicloprimogyna pode ajudar?

Sabendo que a menopausa é algo natural para qualquer mulher, acredito, que o uso do Cicloprimogyna deve ser para mulheres que entraram nesse período precocemente. Concordam comigo? Se você já está com cinquenta e poucos anos e não deseja mais ter filhos, combater a menopausa não seria uma busca constante. A não ser que os sintomas incomodassem muito.

Para quem entrou na menopausa antes do tempo. Tipo, por volta dos 38 e até 40 anos (o que deve ser muito incomodo, principalmente se você ainda deseja engravidar), o tratamento com Cicloprimogyna fará a reposição hormonal que seu corpo não mais produz. E mais, o uso pode ajudar a tratar a depressão e TPM que antecedem a menopausa. Perfeito não é?

O Cicloprimogyna tem efeitos colaterais ou contraindicações? 

Os efeitos colaterais do Cicloprimogyna geralmente são:

  • mudança no peso;
  • dor abdominal;
  • dor de cabeça;
  • náuseas;
  • sangramento vaginal ou irritação.

E com relação a contraindicações, é certo que seu médico vai dar mais detalhes, que inclusive devem ser seguidos à risca. No entanto, aí vai uma série de situações em que o uso do Cicloprimogyna deve ser evitado.

Não use o Cicloprimogyna se você:

  • já estiver grávida;
  • estiver amamentando;
  • estiver com suspeita de doenças sexualmente transmissíveis;
  • tiver câncer de mama;
  • tiver doenças no fígado;
  • tiver histórico de derrame ou ataque cardíaco;
  • tiver asma ou epilepsia.

Ressaltando que, o Cicloprimogyna é uma “bomba” para quem já teve trombose ou algum tipo de trombofilia no sangue. Sendo usado para reposição hormonal, ele pode coagular o sangue de quem já tem essa pré-disposição rapidinho.

Nossa! É muita informação para um único medicamento, não é? Mas, é assim mesmo, quando se trata de remédios as informações precisam ser detalhadas. Por isso, se você acha que interessante a Cicloprimogyna, converse com seu médico a respeito, conte a ele tudo sobre você e pergunte se seria uma boa ideia fazer essa reposição hormonal.

E falando em medicamento, você conhece o anticoncepcional Selene? Vem comigo que te conto tudo sobre ele!