Categorias Receitas

Cardápio de Festa Junina

Eu e maridus fazemos aniversário em maio, o Pedro em julho e a Cacá em novembro ou seja, nunca consegui realizar o meu sonho de uma festa de aniversário junina! :(

Mas ano passado, eu resolvi me dar uma festa de aniversário dos sonhos e com o tema que eu mais amo na vida: Festa Junina, em maio! Amei organizar isso pra mim, pra minha família e amigos e o meu ponto de atenção principal da festa foi o cardápio de Festa Junina!

Porque um dos motivos de eu amar Festa Junina é com certeza as comidinhas #soudessas e é tudo tão simples e gostoso que não dá trabalho e agrada a todo mundo!

Se você também está pensando em uma Festa Junina caseira por aí, olha só o cardápio de Festa Junina descomplicado com link para algumas receitinhas!

Salgados

  • Pipoca
  • Milho cozido
  • Churrasco
  • Carne louca/ Buraco quente – veja uma receita AQUI
  • Pamonha Salgada
  • Cuscuz Paulista – veja uma receita AQUI

cuscuz paulista

Doces

  • Pé de moleque
  • Paçoca – veja uma receita AQUI
  • Bolo de MIlho
  • Arroz doce
  • Canjica
  • Doce de abóbora
  • Pamonha doce

doce de abobora

Bebidas

  • Vinho Quente – veja uma receita AQUI
  • Quentão
  • Suco de milho

vinho quente

E se você também não faz aniversário em junho e nem tem o dos filhotes para fazer esta festa em casa, que tal um “Chárraiá”? O chá de bebê pode ser este mês e com este tema, olha umas idéias neste link AQUI

Mas se você é uma sortuda com aniversário em junho, ou uma rebelde que faz festa junina fora de época, como eu, neste link AQUI tem umas idéias lindas de decoração!

Bora pular fogueira?

Bjs! ;)

Categorias Receitas

Drink sem alcool: Pink Lemonade

Eu amo/sou pink lemonade! Sempre que vou a algum lugar e vejo no cardápio a opção desta bebida, tô dentro!

Amo tanto que eu precisava descobrir como é que se fazia e daí, na maior cara de pau mesmo fui lá perguntar para o barman do meu bar/restaurante predileto. E ele me ensinou! \0/

A Pink Lemonade é um drink sem alcool que leva limão e xarope de granadina (ou groselha mesmo) e a partir desta base, há muitas variações da bebida (que também podem incluir alcool).

Ensinei a minha predileta lá no meu instagram (me segue lá @bagagemdemae) perto do Natal, e todo mundo adorou e ficou surpreso com a facilidade com que se faz este drink. Além disso, também vieram muitas dicas de variações que eu adorei!

Resolvi então repassar aqui, oficialmente, a minha versão predileta da bebida e abaixo, vou indicar as variações que eu provei e amei, ok?

Para fazer a Pink Lemonade que eu amo, você vai precisar de:

  • 1 lata de refregerante de limão (Sprite, Soda, etc)
  • 30ml de xarope de Granadina (ou groselha)
  • 1 rodela de llimão

Modo de Fazer:

Para dar aquele efeito de rosa gradiente no copo, coloque primeiro o xarope de granadina e depois, despeje o refrigerante ao poucos. Acrescente a rodela de limão e tá pronto!

como fazer pink lemonade

Eu uso o xarope de Granadina da Monin porque acho o mais gostoso, mas me disseram que com groselha simples também funciona!

Para quem não curte refrigerante ou, tem crianças que não curtem, você pode substituir por suco de limão. O de limão siciliano fica mais gostoso e bonito porque o suco fica mais forte mas, o limão simples também dá o mesmo efeito, embora a mistura fique toda cor de rosa sem a graça do efeito visual!

Para quem quer variações com alcool, dá pra trocar o refrigerante por:

  • Smirnoff Ice
  • Proseco + suco de 1/2 limão

Estas foram as misturas que eu testei aqui em casa mas, você pode testar outras! O bacana é que você não esqueça que, o xarope de Granadina já é bem doce então, escolha misturas de frutas ou bebidas mais azedas e cítricas para ficar gostoso!

A Pink Lemonade sem alcool pode ser uma boa para servir no chá de bebê, nas festinhas de família, nos brindes e comemorações que contam com crianças, gestantes e mães que amamentam! #ficadica

E aí, quem também ama pink lemonade ou conhece outro drink gostosinho e simples assim, que adora? Compartilha aí!

Bjs!

 

Categorias Receitas

Receitas de Páscoa com atum – para crianças

A Páscoa é um dos feriados em que eu faço questão de montar aquela mesa bonita com cardápio especial, sabe? Quem me conhece de “perto” sabe que, não sou lá muito chegada em carnes vermelhas e por isso, a oportunidade de fazer receitas de páscoa com muitos vegetais e carnes brancas pra toda a família, me deixa bem animada!!

Todo mundo também já sabe que, eu e a cozinha, não somos lá muito íntimas e por isso, tô sempre procurando por receitas que combinem o comer saudável e gostoso com praticidade, e nem sempre é fácil!

Para a Páscoa, meu dilema era sempre com a escolha dos peixes! Aqui em casa, ninguém da família curte muito o bacalhau, as crianças só comem o filé de Saint Peter e atum e por isso, toda Páscoa eu invento mil jeitos de fazer o Saint Peter ou, tentava insistir no camarão!

Mas, este ano, com o camarão custando “os olhos da cara”, e a galera meio enjoada de Saint Peter, estava pensando em fazer alguma coisa bem gostosa com atum e daí, recebi um email lindo do pessoal da assessoria da Gomes da Costa com receitinhas deliciosas e fáceis de fazer com… ATUM!!

Uhuuu! Valeu assessoria, super timing! hehehe

Vou compartilhar com vocês as 2 receitas que mais amei e que estou muito inclinada em tentar, anota aí:

Lasanha de atum

lasanha

Ingredientes

Molho Branco

. 3 colheres (sopa) de margarina

. 6 colheres (sopa) de farinha de trigo

. 5 xícaras (chá) de leite (1250ml)

. sal e noz moscada a gosto

Molho de Atum

. 2 colheres (sopa) de óleo

. 1 cebola grande picada

. 3 tomates maduros e grandes, sem pele, picados (650g)

. 2 latas de Atum em Pedaços em Óleo Gomes da Costa 170g

. 2 colheres (sopa) de salsinha picada

. sal a gosto

Lasanha

. 1 embalagem de massa fresca para lasanha direto ao forno (500g)

. meia xícara (chá) de farinha de rosca

. 3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado

Modo de Preparo

Molho Branco

. Numa panela, aqueça a margarina e doure a farinha de trigo. Retire do fogo e junte o leite aos poucos, mexendo sempre até estar completamente dissolvido.

. Leve novamente ao fogo, mexendo sempre, e cozinhe até começar a encorpar. Tempere com sal e noz moscada a gosto. Reserve.

Molho de Atum

. Numa panela aqueça o óleo e doure a cebola. Junte o tomate e refogue em fogo baixo, panela tampada, até o tomate desmanchar.

. Acrescente as latas de Atum Gomes da Costa com seu óleo e a salsinha. Cozinhe por alguns minutos, mexendo de vez em quando. Tempere com sal a gosto. Deixe o molho bem úmido.

Lasanha

. Num refratário grande (cerca de 34 cm x 22 cm), espalhe uma camada de molho branco. Distribua folhas de massa, em seguida molho de atum, massa, molho branco e assim sucessivamente finalizando com molho branco.

. Polvilhe a superfície da lasanha com uma mistura feita com a farinha de rosca e o queijo ralado.

. Cubra o refratário com papel alumínio e leve ao forno médio (180ºC), preaquecido e cozinhe conforme recomendação da embalagem do fabricante.

Rendimento: 8 a 10 porções

Tempo de Preparo: 20 minutos

Tempo de Cozimento: 1 hora

Dica: Como usamos massa direto ao forno, é necessário que o molho fique bem úmido para que a massa hidrate ao cozinhar.

Variação: Acrescente camadas de mussarela ralada.

Legumes e atum Parmentier

receita de pascoa

Ingredientes

Refogado

. 1 lata de Atum Sólido Óleo Defumado 170g

. 1 cebola pequena picada

. 1 xícara (chá) de ervilha fresca (150g)

. 2 batatas médias cortadas em cubos (cerca de 450g)

Molho Branco

. 2 colheres (sopa) de margarina

. 3 colheres (sopa) de farinha de trigo

. 1 e meia xícara (chá) de leite (360ml)

. meia xícara (chá) de creme de leite

. sal a gosto

. 2 colheres (sopa) de queijo tipo parmesão ralado

Modo de Preparo

Refogado

. Aqueça o óleo do Atum Gomes da Costa. Junte a cebola e refogue até dourar.

. Acrescente a ervilha, a batata e refogue demoradamente. Junte 1 xícara (chá) de água fervente e tempere com sal a gosto. Cozinhe em fogo baixo, panela tampada até que a batata e a ervilha estejam cozidas.

Molho Branco

. Enquanto os legumes cozinham prepare o molho: em fogo brando, aqueça a margarina, junte a farinha e cozinhe mexendo sempre até obter uma pasta.

. Abaixe o fogo, junte o leite aos poucos, mexendo sempre. Cozinhe até obter uma mistura homogênea, encorpada.

. Acrescente o creme de leite e tempere com sal a gosto. Reserve.

Montagem

. Espalhe o refogado por todo o fundo de um refratário médio. Distribua o Atum Gomes da Costa sobre o refogado. Por último, acrescente o molho branco por toda a superfície. Salpique o queijo parmesão.

. Leve ao forno médio (180ºC), preaquecido, por cerca de 20 minutos ou até que a preparação ferva e a superfície gratine. 

Tempo de Preparo: 20 minutos

Tempo de Cozimento: 40 minutos

Dica: “parmentier” é uma palavra em francês, utilizada para identificar pratos feitos à base de batata ou guarnecidos de batata.Este termo é empregado por causa de Auguste Parmentier, que ajudou a estabelecer a batata como um vegetal popular, na França – Pequeno Dicionário de Gastronomia – Maria Lúcia Gomensoro

Variações:

. Substitua a batata por mandioquinha.

. Substitua a ervilha fresca por ervilha congelada, neste caso, cozinhe a batata e só acrescente a ervilha.

Fala sério, receitas super fáceis, deliciosas e que não vão detonar com o orçamento do mês! #soudessas :)

Como eu amo massas, tô doida pra tentar esta lasanha mas, tenho quase certeza que a galera aqui de casa vai preferir os legumes com atum, talvez eu faça os dois! hihihi

Além disso, também vou preparar um ratatouille e um arroz selvagem com alho poró porque, minha irmã que vem almoçar com a gente, é vegetariana e então, preciso ter opções sem carne nenhuma! ;)

E vocês, o que estão preparando para esta Páscoa? Querem a receita do ratatouille e do arroz selvagem? Comentem aí!

Bjs ;)

Categorias Receitas

3 sobremesas de Páscoa

Daí que, eu nem tinha percebido mas, a Páscoa, este ano, é em março! Comecei a pensar nos presentinhos que o “coelhinho da Páscoa” vai trazer este ano mas, especialmente, sobre as comemorações da semana santa!

Eu amo a Páscoa, ela está em segundo lugar na galeria das minhas comemorações prediletas (a primeira, é a Festa Junina! hehehe) e adoro preparar a casa para a minha família e amigos que vem almoçar com a gente! Amo, amo, amo! <3

Fiz umas pesquisas de sobremesas de Páscoa e achei 3 que têm a maior cara de delícia e são bem simples de fazer, com a ajuda das crianças! Olha só:

receita pave de café

Pavê de Café

Ingredientes:

  • 3 xícaras de (chá) de leite
  • 2 colheres (sopa) amido de milho
  • 2/3 xícara (chá) de açucar
  • 8 gemas
  • 300g de chocolate meio amargo picado
  • gotas de essência de baunilha
  • 200g de pão tipo brioche esfarelado
  • 1 copo (americano) de café preparado
  • 100g de morangos

Modo de fazer:

Aqueça o leite e junto o amido, as gemas e o açucar. Mexa até engrossar. Retire o creme do fogo e divida em 2 partes, em uma delas, junte o chocolate picado até obter uma mistura lisa e homogênea. Na outra metade, misture a baunilha. Em uma taça (ou fôrma) espalhe metade do creme de chocolate no fundo, umedeça o pão com o café e faça uma camada por cima do creme de chocolate, cubra com o creme de baunilha, faça uma última camada com o creme de chocolate. Decore com os morangos e leve pra geladeira até o momento de servir.

Fonte: MdeMulher

receita de bolo de cenoura

Bolo de cenoura de liquidificador

Ingredientes:

Bolo

  • 250g de cenoura ralada
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 4 ovos
  • 1/2 xícara de óleo
  • 2 xícaras de açucar
  • 2 1/2 xícaras de farinha de trigo

Cobertura:

  • 1 xícara de açucar
  • 3 colheres (sopa) de achocolatado em pó
  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 5 colheres (sopa) de leite, para deixá-la mais mole

Modo de fazer – bolo:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador sendo que, o fermento deve entrar por último. Deixe bater por 5 minutos. Despeje a massa em uma fôrma untada e leve ao forno pré-aquecido por cerca de 40 minutos ou, até que o palito saia sequinho. Retire do forno e reserve.

Cobertura:

Coloque todos os ingrediente em uma panela e leve ao fogo médio, mexendo sempre até obter uma massa grossa e lisa.

Montagem:

Espalhe a cobertura por cima do bolo e está pronto!

Fonte: Bolsa de Mulher

receita de trufas

Trufas no Palito

Ingredientes:

Trufa de canela

  • 400g de chocolate branco picado
  • 300g de chocolate branco picado, para banhar as trufas
  • 1 caixa de creme de leite (200g)
  • 30g de manteiga de cacau
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • Glaçucar para passar nas trufas

Trufa de hortelã

  • 3/4 de xícara de folhas de hortelã
  • 2 colheres de sopa de glaçucar
  • 1 caixa de creme de leite (200g)
  • 300g de chocolate meio amargo, para banhar as trufas
  • 300g de chocolate ao leite
  • cacau em pó para passar as trufas

Modo de fazer – Trufa de canela:

Junte o chocolate e o creme de leite e derreta em banho-maria. Adicione a canela e leve à geladeira até firmar. Com duas colheres (chá), modele as trufas e coloque em uma bandeja forrada com papel alumínio, ligeiramente untado com óleo. Volte as trufas à geladeira. Banhe-as no chocolate branco, previamente derretido com a manteiga de cacau e role-as no Glaçúcare antes de endurecerem espete em cada uma, um palito de madeira para pirulito e deixe secar.

Trufa de hortelã:

Passe rapidamente, as folhas de hortelã em água fervente, escorra e bata no liquidificador com o creme de leite. Junte o chocolate ao leite e derreta em banho-maria. Misture até ficar homogêneo. Adicione o Glaçúcar e leve à geladeira até firmar. Com duas colheres (chá), modele as trufas e coloque em uma bandeja forrada com papel alumínio, ligeiramente untado com óleo. Volte as trufas à geladeira para firmar. Banhe as trufas no chocolate meio amargo derretido e passe no cacau. Antes de endurecerem, espete em cada uma, um palito de madeira para pirulito e deixe secar.

Montagem:

Coloque dentro de uma base redonda ou quadrada, com cerca de 6cm de altura, um pedaço de espuma floral umedecida. Cubra com açúcar granulado União Doçúcar e espete as trufas formando um buquê.

Fonte: Cozinha Experimental União – Assessoria

E aí, o que acharam? Tô pensando em tentar o pavê de café (gosto porque, o amarguinho do café quebra um pouco o excesso de doçura da Páscoa) e o bolo de cenoura, que é um ícone do Coelho da Páscoa, né? hehehe

Se as crianças toparem, podemos tentar as trufas também, uma vez, antes do Pedro nascer, eu fiz trufas assim e ficaram deliciosas, mas não tão bonitas! hihihi

Agora vou atrás de receitas vegetarianas para a Páscoa, na sexta-feira santa não é legal comer carne e além disso, minha irmã é vegetariana e fazer um cardápio que agrade a todos (quando ela vem comer conosco) é sempre um desafio que eu adoro!

Quem tiver dicas e receitas, me contem, ok?

bjs e bom final de semana! ;)

Categorias Receitas

Faça você mesmo: bolo de aniversário para festa circo

Contei pra vocês neste outro post AQUI que, no ano passado, a Cacá me pediu uma festa circo! Eu adorei a idéia da pequena porque, fugia do convencional “princesas e cor de rosa para meninas” e, com um tema destes, você pode se jogar em cores, estampas, padronagens e fica tudo muito lindo e alegre!

Além de escolher o tema da festa de aniversário, as crianças aqui em casa sempre escolhem os sabores do bolo de aniversário. A Cacá sempre curtiu mais “bolo branco” do que bolo de chocolate mas, desde o ano passado, se rendeu à paixão de todas as crianças e passou a amar bolo de chocolate, mas sem a cobertura de chocolate, ela acha que fica muito “melequento” hehehe

Ela me pediu um bolo que fosse “chocolate por dentro e branco por fora”, quando ela me contou, fiquei pensando que, para atender este desejo, poderia fazer um bolo sabor chocolate e com cobertura branca mas, a Cacá é bem exigente, ela não gosta de leite condensado, pasta americana, chantilly e marshmellow (mole) então, fiquei meio perdida: o que usar como cobertura?

Primeiro, pensei no chocolate branco mas, depois da experiência na festa Frozen, em que descobri que o chocolate branco fica amarelado quando a gente derrete, descartei a idéia e então, pensei no glacê real, mas o glacê real tem a questão de endurecer e então, pode “quebrar” ao espetar a vela ou o topo e estragar a decoração.

A saída, foi fazer uma cobertura de suspiro mole, ele dá uma leve endurecida, não ficou tão doce e pude usar muitos confeitos coloridos que ajudaram a compor a mesa super alegre da festa!

festa circo vintage

Para fazer uma cobertura assim, a receita é a seguinte:

  • 2 xícaras de açúcar de confeiteiro ou glaçúcar;
  • 1 clara de ovo;
  • 1 colher de sopa de suco de limão
  • confeitos coloridos pequenos
  • confeitos pérola

Modo de fazer:

Bata todos os ingredientes (menos os confeitos) na batedeira em velocidade alta por 5 minutos ou, até que ela esteja firme o suficiente para virar de cabeça pra baixo sem cair. Você pode controlar a firmeza colocando mais ou menos açúcar, o tempo de batedeira também influencia na firmeza do suspiro.

Espalhe a cobertura no bolo frio, jogue os confeitos coloridos, limpe a base do prato e coloque as pérolas comestíveis para finalizar. Leve a geladeira para dar uma endurecida e só tire algumas horas antes de cantar parabéns.

O ideal é fazer o bolo no mesmo dia da festa assim, você garante que ele ficará macio e molhadinho por dentro. A cobertura de suspiro não suporta temperaturas muito quentes e por isso, deve ficar na geladeira até poucas horas antes do parabéns.

Para finalizar a decoração do bolo, eu fiz uma tenda de fitas usando fita de cetim e palito de bexiga e também, varal de bandeirolas usando canudo de papel e papel estampado.

O suporte de bolo ganhou uma saia de tule azul para deixar a mesa mais alegre e “quebrar” um pouco do vermelho onipresente. Para fazer eu usei:

  • 1 metro de tule azul royal
  • fita de cetim grossa e
  • cola quente

O efeito plissado é bem simples de fazer, bastar dar uma “dobradinha” em cada colada que você der na base depois, com a fita de cetim grossa, finalizar cobrindo a cola. Eu não medi a altura da saia, deixei no tamanho natural do tule que comprei e depois de colado, passei a tesoura reta e garanti este plissado “avoado”.

festa circo

 

Ah, sobre o bolo de chocolate, é um bolo comum, usei ganache de chocolate como recheio e para deixar bem molhadinho, usei leite na base de baixo e depois, na base de cima, regando o bolo todo mesmo!

Tô ficando craque em bolo de aniversário das crianças! hihihi Depois me contem suas técnicas e segredos e quem testar esta aqui, vem me contar os resultados, ok?

Bjs ;)

Categorias Receitas

Faça você mesmo: Pirulitos de Oreo

Quem me acompanha lá pelo Instagram (@bagagemdemae) viu que, como todos os anos, eu estava preparando a festa da Cacá e fazendo grande parte dos docinhos, inclusive pirulitos de Oreo!

Gente, preciso contar pra vocês uma coisa: eu sempre odiei cozinhar, detesto fazer comida e salgados em geral, mas descobri, só agora, aos 30, que amoooooo fazer doces e confeitar, estou apaixonada por tudo isso! hehehe

Daí, estava procurando por inspirações para o tema da festa da Cacá quando, dei de cara com esta idéia muito legal, bonita, simples e gostosa: Pirulitos de Oreo!

A imagem que eu achei lá no Pinterest, não tinha muito o passo a passo mas, olhando as fotos, deu para entender mais ou menos como fazia e então, decidi tentar! Deu certo, ficou delicioso e a galera da festa adorou tanto que não sobrou 1 pra contar história! Viva!

Se você também quer fazer, olha só como é simples:

pirulitos de oreo

Você vai precisar de:

  • Bolachas Oreo (ou qualquer outra recheada, o importante é que seja daquele tipo com recheio bem “grossinho”, sabe?) a quantidade vai variar da quantidade de pirulitos que você deseja, eu fiz 2 pacotes que deu um total de 20 pirulitos
  • Palitos de pirulito
  • Confeitos coloridos
  • Papel alumínio (ou papel manteiga)
  • Glacê real (ou qualquer outro tipo de cobertura que você quiser, ela só precisa endurecer!) para aprender a fazer o glacê, clique AQUI e pegue a receita!

Passo 1:

como fazer pirulito de oreo

1 – Prepare o glacê, eu deixei o meu branco mesmo mas, você pode acrescentar corante se quiser que fique colorido; 2 – Abra as bolachas com cuidado para não quebrar e nem perder o recheio! 3 – Molhe a ponta do palito de pirulito no glacê, ele vai servir como um tipo de “colinha” para o palito não escorregar!

Passo 2:

faça pirulito de oreo

4 – “Cole” o palito com o glacê no recheio do biscoito; 5 – Recoloque a “tampa” do biscoito pressionando com cuidado para não quebrar! 6 – Molhe o biscoito no glacê

Passo 3:

receitas com oreo

7 – Passe os biscoitos nos confeitos escolhidos e 8 – Coloque os biscoitos já confeitados em um prato ou fôrma forrada com papel alumínio e leve à geladeira para secar!

Para facilitar o trabalho, antes de começar eu já deixo o prato forrado e os confeitos separados em potinhos, o glacê seca bem rápido então, você precisa trabalhar bem rápido! Você pode optar por molhar só a ponta do biscoito ou, banhar ele todo na cobertura, banhando ele inteiro, você deixa ele mais durinho e mais improvável de descolar e cair do palito!

O efeito final na mesa foi este aqui:

receitas com oreo

Pra ter uma idéia da mesa completa:

circo vintage

Bem prático, né? Eu também já vi a mesma receita usando cobertura de chocolate derretido e suspiro, vai do gosto de cada um! Eu preferi o glacê porque não quis “sobrecarregar” no doce da bolacha, sabe?

Por causa da cobertura, a bolacha dá uma “murchada” e não fica crocante, mas o pirulito em si, fica muito gostoso! Ah, e para deixar os pirulitos em pé, bonitinhos assim, dentro dos vasinhos, já sabem da dica, né? Usem sal grosso para preencher o vaso e depois, só espetar os pirulitos! ;)

Tô doida pra mostrar pra vocês mais detalhes desta festa que eu amei fazer, assim que chegarem as fotos oficiais, vai ter post com tudo, ok?

Espero que se inspirem e quem fizer, vem me contar se deu certo!

Bjs ;)

Categorias Receitas

Como fazer Cakepop de chocolate super simples

receita de bolo no palito

Este ano resolvi colocar a mão na massa em literalmente todas as coisas da festa de aniversário do Pedro! Normalmente, eu contratava os docinhos mais elaborados mas, este ano, resolvi tentar fazer, e não é que deu certo?

Desde que encomendei, pela primeira vez, cakepop de chocolate eu me apaixonei por este docinho! Um pedacinho delicioso de bolo no palito, na medida certa da vontade das crianças e, por estar no palito, bem mais simples de comer, sem precisar de pratinho, garfinho e etc.

Na época, fiquei pensando que não deveria ser assim, tãoooo difícil de fazer mas, ficava cismada em como conseguir fazer o pedacinho de bolo parar no palito daí, assisti a um monte de vídeos tutoriais com várias receitas no YouTube e resolvi testar a minha própria, mega simples!

Para fazer este cakepop de chocolate para festa, você vai precisar de:

  • Bolo de chocolate simples, sem recheio
  • Brigadeiro de panela bem mole
  • chocolate para derreter
  • palitos
  • confeitos
  • 1 folha de papel manteiga

Modo de fazer

Parte 1

Primeiro, faça um bolo de chocolate simples, pode ser aqueles de “caixinha” mesmo. Depois de assado, espere esfriar um pouco e “detone” o bolo! Comece a cortar com a faca e vá “picotando” ele, deve ficar como uma farofa de bolo.

Faça um brigadeiro de panela bem mole, deixe esfriar um pouco (não muito, para não endurecer) e jogue por cima da sua farofa de bolo. Passe margarina nas suas mãos e comece a misturar o brigadeiro com a farofa, com as mãos mesmo, ele deve ficar na consistência de uma massa de pão.

Quando alcançar a consistência, faça bolinhas e vá colocando em 1 prato, espete os palitos nas bolinhas e deixe assim, de cabeça para baixo. Leve para a geladeira por pelo menos 4 horas para endurecer.

Parte 2

Retire os cakepops da geladeira, forre uma forma ou prato com papel manteiga, coloque os confeitos escolhidos em um prato ou vasilha fundo. Derreta o chocolate, banhe as bolinhas de cakepop no chocolate, passe nos confeitos e coloque no prato com papel manteiga para não grudar.

Coloque na geladeira por mais 2 horas e está pronto para servir!

Você pode variar os sabores e fazer um bolo de laranja com mistura de beijinho, por exemplo, um bolo de pão de ló com mistura de doce de leite e por aí vai.

O segredo é ter uma mistura bem “melequenta” para dar liga na farofa de bolo e te ajudar a chegar na consistência de massa boa para enrolar.

Se você tem problemas para derreter chocolate (como eu) também pode optar por fazer a cobertura de ganache, deixe endurecer antes de servir e também dá super certo!

Pra quem não sabe fazer ganache, a receita é bem simples: derreta 1 barra de chocolate culinário em 1 latinha de creme de leite e mexa bem para misturar, está pronto!

Quem não sabe fazer brigadeiro de panela bem mole, minha receita é a seguinte: 1 lata de leite condensado, 4 colheres de sopa de chocolate em pó e 2 colheres de sopa de margarina. Mexa bem em fogo baixo e pronto!

Na festa do Pedro, foi sucesso garantido! E o mais bacana é que, as crianças também me ajudaram a fazer e foi uma diversão para todos nós!

Quem tentar, depois vem me contar se deu certo!

Tô me achando a própria confeiteira! hahaha

Bjs ;)

Categorias Receitas

Receita de Festa Junina: Paçoca de copinho

Sei lá vocês mas, eu acho que Festa Junina é a festa brasileira que tem as comidinhas mais gostosas do mundo! Eu me acabo nos salgados, docinhos, vinho quente e tudo mais a que se tem direito! hehehe

Aprendi esta receita de paçoca de copinho há uns 2 anos atrás, ela é super simples, deliciosa, fica bonitinha no copinho e serve até para enfeitar a mesa de doces!

paçoca mole

Para fazer, você vai precisar de:

  • 3 latas de leite condensado
  • 2 gemas
  • 500g de amendoim torrado e triturado sem sal e sem pele (se você não encontrar triturado, compre o normal e triture no liquidificador ou, sacrifique algumas “Paçoquitas” esfarelando com o garfo!)
  • 1 Caixinha de Creme de Leite

Modo de Preparo:

Coloque as latas de leite condensado e as gemas em uma panela, mexa até esquentar, Acrescente o amendoim triturado e vá mexendo para misturar bem. Não esqueça de reservar um pouco deste amendoim para decorar os copinhos!

Quando começar a ferver, desligue o fogo, acrescente o creme de leite e misture bem. Coloque um pouco do amendoim triturado no fundo dos copinhos, acrescente a massa e depois, polvilhe mais amendoim para decorar e está pronto!

A dica é colocar o doce nos copinhos ainda quente porque, depois ele endurece e fica mais trabalhoso!

Simples, rápido e delicioso! Se você usar aqueles copinhos pequenos de brigadeiro de colher, com esta receita consegue fazer 20 copinhos!

Quem fizer, depois me conta!

Bjs ;)

PS: Eu aprendi esta receita no site mytaste.com.br e adaptei um pouco! 

Categorias Receitas

8 Bolos de Aniversário lindos para fazer em casa

Bom, nem preciso repetir pra vocês que eu não sei cozinhar nadica de nada, né? Como boa brasileira, eu não desisto nunca mas, se tem uma coisa que eu gosto muito de fazer e quero aprender de verdade, são os bolos de aniversário!

De um tempo pra cá, depois de incontáveis tentativas fracassadas, finalmente meus bolos começaram a sair sem afundar o meio, sem ficar duro, sem queimar e por isso, eu tenho me arriscado a fazer os bolos de aniversário das crianças e usado muito a imaginação na hora de confeitar!

O bolo Kit Kat (que eu já ensinei AQUI) é a minha especialidade mas, para este ano, estou pensando em alguma coisa diferente e daí, fui pesquisar pra entender como usar a pasta americana e acabei descobrindo muitas outras formas de fazer um bolo lindo sem precisar de nenhuma ultra habilidade na arte!

1 – Bolo numeral

Usando bolos redondos com furo no meio, de massa simples e sem recheio, você pode fazer um bolo com o número da idade do aniversariante.

A técnica na verdade é bem simples, basta saber onde cortar e depois, juntar tudo com uma cobertura bem gostosa e colorida. Eu fiz assim pra Cacá na comemoração dos 3 anos. Não usei para a festa mas, foi o bolo que usamos para cantar “parabéns” só entre nós.

bolo numeral

Olha aqui onde vão os cortes:

bolo numeral

2 – Bolo colorido

Por falar em bolo bem colorido, usar confeitos ultra coloridos sob uma cobertura branca (que pode ser chantilly ou qualquer outro creme que você saiba fazer) também dá um visual incrível para o bolo e é super simples de fazer!

bolo arco iris

3 – Bandeirinhas

Acho o maior charme bolos super simples com bandeirinhas que podem ter o nome do aniversariante, apenas desenhos, flores… Fácil de fazer, você só precisa de palitos de churrasco, barbante e criatividade!

bandeirinha bolo

4 – Bexigas no bolo

Uma variação da bandeirinha são estas mini bexigas coloridas, olha que coisa mais fofa! Um bolo que era mega simples, se tornou especial e com certeza, deixou a mesa mais linda!

bolo com bexiga

5 – Bolo com cookies

Pra quem gosta do estilo “kit kat”, olha esta idéia usando cookies! Só fiquei pensando que, o melhor é que seja confeitado quase na hora do parabéns, porque os cookies devem ficar murchos!

bol de cookies

6 – Naked Cake

Teve um ano que eu me atrevi a fazer um naked cake e olha, foi simples, ficou lindo e gostoso! Olha esta idéia aqui que não usa frutas na decoração, e depois, olha este post AQUI que tem a receita e passo a passo do bolo que eu fiz!

naked cake

7 – Usando fôrmas

Muito simples e inteligente esta idéia de usar cortadores de biscoito como estêncil para decorar o bolo! Por cima de qualquer cobertura vai ficar fofo e dá pra usar toda variedade de desenho.

bolo7

8 – Pasta americana

Se você também está a fim de testar alguma coisa com pasta americana, esta idéia aqui é bem básica para “iniciantes”. Quem é que não consegue fazer franjas na pasta americana já pronta? Simples e dá um visual lindo!

bolo de franjas

Não basta ser lindo, precisa estar gostoso também, né? Se você ainda fica em dúvida sobre a qualidade do seu bolo feito completamente caseiro, opte por comprar o “bolo de caixinha”. Se você seguir as instruções à risca nas quantidades, não tem como dar errado!

Ele vai crescer, ficar macio, cheiroso e gostoso. Você só precisa lembrar de tirar no tempo certo e depois, confeitar!

Algumas dicas que eu aprendi depois de muitos erros:

– Não abra o forno antes de 30 minutos, isto vai fazer o bolo murchar mesmo!

– Use formas de silicone, a probabilidade do seu bolo grudar em uma destas é muito menor!

– Se você vai usar forma de bolo de alumínio, leve a séria a hora de enfarinhar! É isto que vai garantir que o bolo será desenformado sem quebrar! Se você não gosta de passar a margarina na fôrma com os dedos, use um pincel ou um guardanapo, espalhe por todos os cantinhos, deixa a fôrma completamente “pintada” de margarina e depois, coloque farinha com generosidade! Certifique-se de que ela grudou mesmo em todos os cantinhos da fôrma e dispense o restante no lixo!

– Use uma espátula de silicone para espalhar a cobertura, ela não gruda!

– Se você não tem prática para cortar o bolo, levantar e rechear, faça 2 bolos e coloque um sob o outro!

Para quem não tem idéia do tipo de cobertura que pode ser usada, aqui vão algumas sugestões:

– Brigadeiro de panela dá uma deliciosa cobertura, o truque para espalhar no bolo é fazer isso com ele ainda bem mole e quente!

– Ganache de chocolate branco ou ao leite é uma variação do brigadeiro comum. Basta derreter o chocolate no creme de leite e espalhar ainda quente!

– Geléias e cremes também podem ser ótimos para bolos mais simples, como o naked cake ou um pão de ló comum.

– Compre pasta americana em folhas já prontas e coloridas! Daí, é só soltar a imaginação para recortar e montar! Para “grudar” a pasta americana no bolo, você pode optar por fazer uma cobertura prévia de ganache ou brigadeiro ou, usar açúcar de confeiteiro dissolvido em água e pincelado direto na pasta americana aos poucos e com cuidado!

Estou muitíssimo inclinada a fazer uns testes com estas idéias simples e lindas para decidir qual será o bolo do aniversário das crianças. Aliás, este ano, eu incluí na minha lista de “metas do ano” comemorar o meu próprio aniversário, quem sabe eu mesma faço o meu bolo, né?

Vou mostrando pra vocês lá no Instagram (segue a gente @bagagemdemae) tudo o que der certo e o que der errado, e quem tiver um truque, uma dica ou uma idéia linda e simples, compartilha aí!

Bjs ;)

PS: Estas idéias foram encontradas em pesquisa no pinterest.

Categorias Receitas

Receita de Cuscuz Marroquino para o Natal

receita cuzcuz marroquino

imagem: shutterstock

A gente sempre tem uma receita especial “na manga” que guarda para ocasiões especiais, né? Eu que não sou boa de cozinha, tenho aqueles pratos secretos que sempre dão certo e fazem parecer que eu sei cozinhar alguma coisa! hehehe

O Cuscuz Marroquino é minha especialidade para as festas e é claro, é super simples de fazer e não tem erro! Ideal para substituir a farofa e acompanhar as carnes brancas ou vermelhas da sua ceia! Olha o que você vai precisar:

  • 2 copos americanos de cuscuz marroquino (você encontra em supermercados e mercearias, eu já achei no Sams Club, Pão de Açucar, Sonda e Oba)
  • 1 cenoura ralada
  • 1 cebola picada cortada em cubinhos
  • 1 abobrinha cortada em cubinhos
  • meio copo de azeitonas picadas
  • 2 dentes de alho picados
  • meio tomate picado
  • sal à gosto
  • ervas de sua preferência (eu uso um mix de orégano, salsinha e cebolinha desidratados)
  • azeite à gosto

Modo de fazer:

Numa panela, coloque os legumes picados com a cebola, as azeitonas, o alho, o sal e as ervas, refogue com 2 copos de água até que os legumes estejam molinhos, Desligue o fogo, passe os legumes em uma peneira reservando o caldo e os legumes separadamente. Coloque os 2 copos de cuscuz em uma vasilha e junte a água dos legumes, ela deverá cobrir o cuscuz completamente, pode jogar o restante fora. Deixe o cuscuz hidratando nesta água por 2 horas, ele deverá “inchar” e a água praticamente sumir, quando isto acontecer, acrescente os legumes cozidos ao cuscuz. Misture bem e regue com azeite para temperar, meça o sal e se precisar, acrescente mais um pouco, está pronto para servir!

Aqui em casa, o marido adora um bacon por isso, às vezes faço uma quantidade separada e acrescento bacon picadinho frito e fica delicioso! Você também pode acrescentar outros legumes como, berinjela, pimentão ou até mesmo, uvas passas natalinas.

Depois de pronto, basta colocar em uma vasilha bem bonita para servir e enfeitar com ervas como hortelã e alecrim ou, se você for super prendada, fazer aqueles enfeites lindos com cascas de tomate e outras coisas, tô pensando em tentar!

Se você quiser dar uma de “masterchef” pode montar os pratos com a carne e o cuscuz de lado, fica lindo e apetitoso. Talvez seja a “gourmetizada” da farofa natalina! hahahaha

Aqui em casa, as crianças adoram a “saladinha de couscuz” e, apesar de não ser seco como a farofa, eu recomendo que você só ofereça às crianças pequenas (de 1 a 2 anos) se tiver certeza que ele é capaz de comer sem se engasgar. Por exemplo, se ele costuma engasgar com farofa normal, melhor evitar!

Que a sua ceia seja deliciosa, e depois vem me contar se a receita deu certo!

Bjs ;)